No início do mês de setembro a equipe da TV e Rádio Web Olha Pititinga teve acesso à informação de que uma funcionária concursada da Câmara de Vereadores de Cachoeira sofreu assédio moral, cometido por um assessor da presidência da Câmara.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil  de Cachoeira, boletim de ocorrência n° CRPN Cachoeira- BO- 21-00612. A informação é que as partes já foram ouvidas e que o presidente Câmara, vereador Dr. Isnaldo Cordeiro (DEM), instaurou uma sindicância para apurar os fatos e, apesar da resistência dos funcionários em compor a mesma, foi criada a sindicância com três membros.

Nossa equipe obteve a informação de que as partes entraram em entendimento e chegaram até a se desculpar mutuamente, antes mesmo da sindicância ter iniciado seus trabalhos. A funcionária e seu advogado queriam retirar a ocorrência registrada, mas foi desaconselhada pelo presidente Isnaldo Cordeiro (DEM), com o argumento que não jogará para baixo do tapete e quer que tudo fique esclarecido para a sociedade cachoeirana