A data de 1° de Junho é marcada na cidade de Cachoeira pela levada dos Paus da Bandeira, tradição que dá início aos festejos cívicos em comemoração à independência do Brasil jugo de Portugal. O ato também marca a abertura das celebrações em homenagem ao 2 de Julho, no recôncavo baiano.

No dia 25 de junho Cachoeira  torna-se capital da Bahia por um dia, em homenagem  e reconhecimento às lutas dos cachoeiranos por independência, no ano de 1822.

As festividades cachoeiranas iniciavam em frente ao prédio da Câmara de Vereadores, com a tradicional levada dos mastros, por autoridades e populares, para os bairros do Caquende e Ponta da Calçada, onde permanecem até o final das comemorações. Esse ato simboliza a delimitação do território de Cachoeira livre do jugo de Portugal, após a proclamação do príncipe Dom Pedro como regente do Brasil, em 25 de Junho de 1822.

Este ano, por conta da pandemia, o evento não aconteceu nos moldes tradicionais, a câmara realizou a o evento com poucas pessoas, os paus foram levados em um carro, e foram fixados com a presença do prresidente da câmara, vereador Dr. Isnaldo Cordeiro, a prefeita da cidade, Eliana Gonzaga e sua vice Cristina Soares, alem de secretarios e assessores da Prefeitura de Cachoeira e da Casa Legislativa.